quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Visitando os presos...

Quem normalmente faz isso é a Ariane ou o Brandão, mas ambos sairam de férias... então sobrou pra mim :)

Sai com o Nilton, um dos nossos motoristas, pra comprar umas frutas (os caras pediram pra Ariane na ultima visita dela, e eu tava com o sentimento cristão em dia)... 3 sacolas de frutas e pão e um pouco de queijo, meia horinha de estrada até a prisão e quase 1 hora de traficante reclamando da vida (mulas, na verdade, mas condenados ou esperando julgamento por tráfico).

Sinceramente, eu até tenho um minimo de simpatia pelos caras... presos longe da familia, época de festas, deve ser foda mesmo... mas cá entre nós, a postura dos "santinhos" não ajuda...

"O clima tá frio, queria um lençol"(?!?!), "quero mais dinheiro de ajuda", "cadê o contato com minha familia?", "dá pra comprar carne?" (?!?!?!), "vão pagar minha passagem pra São Paulo quando eu sair?", "a comida aqui é ruim" (!!!!), e por ai vai...

Se o clima lá tá frio assim, eu acho que vou me mudar pra prisão, pq mesmo o clima mais agradavel esses dias não qualifica como "frio"... dinheiro é complicado, porque a gente tem de ajudar os brasileiros que NÃO cometeram crimes também, e o resto, pô, as vezes parece que esses caras pensam que tão de férias...

4 comentários:

Anônimo disse...

Fala ai JM!

Costumo dizer que cadeia não tem santo. Quem está ali com certeza fez por merecer... não dá pra ter dozinha não.

Direitos Humanos? Vai discutir direitos humanos com as familias das vitimas de sequestro assassinato ou com os pais que perderam filhos pra droga que essas "mulas" carregavam.

Nada justifica a escolha do crime como opção de vida. Paguem o preço agora.

É revoltante saber quer vagabundo ainda come fruta e quer passagem de volta pro Brasil pagos com dinheiro público...

Abraço.

Estevão.

NTO disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
João Marcelo disse...

Estevão, pq vc tá como anônimo?

Pior é que eles acharam ruim pq a gente não levou pessego, nozes e uvas! Na lista deles tinha até o panetone! Poh, panetone eu não toh conseguindo comprar nem pra mim...

Mas saiba que, caso vc seja preso no exterior, eu te visito e levo fruta, ok?

Blenda disse...

João, não sabia que fazia parte dos seus afazeres visitar presos... isso deve ser esquisito mesmo.