sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Mim, Tarzan... Você, atendente do supermercado...

Ontem tive um daqueles momentos "estamos mesmo falando a mesma lingua?" (só pra constar, não, não estamos... NUNCA estamos).

Dona Neda entra no corredor do sabão em pó... trocentos produtos das mais variadas origens pra escolher, e ela escolhe um pacotão de Ariel, comuns 4 ou 5 quilos... Como não tem preço, eu levo pra perguntar no caixa... reproduzo a seguir o dialogo:

EU: Você pode ver quanto custa isso?
CAIXA: Não tem preço...
EU: ahn?
VIGIA: Não tem preço...
EU: ahn? É de graça?
CAIXA: Não...
EU: Então, não pode comprar?
CAIXA: (finalmente passando o produto no leitor de barras) Não tem preço ainda...
EU: Então pra que essa porra tá na prateleira?
VIGIA: Esse, esse, aquele, este aqui, esse e aquele lá ainda não tem preço... (tipo, 2/3 do corredor, e todos os bons) O sr. pode comprar aqueles 2 ali... (dois bem pé rapado, diga-se de passagem)
EU: Nesse caso deixa pra lá... (e pensando "vai tomar no seu c*, seu fuleiragem")

2 comentários:

Cristian disse...

o problema não é a língua, é o sistema operacional diferente.

Anônimo disse...

intiresno muito, obrigado